SLAM: voz de levante

Roberta Estrela D'Alva

Resumo


 Nos últimos trinta anos, os poetry slams, competições de poesia falada, vêm figurando entre as mais inventivas e democráticas práticas da poesia performática em todo o mundo, com notáveis aspectos sociais, culturais, políticos e artísticos. Este artigo situa brevemente a atual cena brasileira e relata a experiência vivida pela poeta Luz Ribeiro, representante do Brasil na Copa do Mundo de Slam, que acontece anualmente em Paris. A poeta foi registrada no documentário de longa-metragem SLAM: Voz de Levante

Texto completo:

PDF

Referências


ADICHIE, C. Ngozi. Sejamos todos feministas. Trad. Christina Baum. São Paulo: Companhia das Letras, 2015.

D’ALVA, Roberta Estrela. Teatro hip-hop: a performance poética do ator-MC. São Paulo: Ed. Perspectiva, 2014.

FERREIRA. Jerusa Pires. Vigília das Oralidades. Revista USP, São Paulo, n. 68, mar-mai. 2006, p. 193-196. Disponível em: . Acesso em: 10 jun. 2019.

KILOMBA, Grada. Descolonizando o conhecimento – uma palestra performance. Trad. Jessica Oliveira. 2016. Disponível em: . Acesso em: 10 jun. 2019.

LOHMANN, Tatiana. Entrevista concedida a Renata Estrela D'Alva em São José dos Campos. 28 abr. 2019.

LORDE, Audre. The Uses of Anger: Women Responding to Racism. Keynote presentation at the National Women’s Studies Association Conference, Storrs, Connecticut, June Connecticut, 1981. In: Women's Studies Quarterly, Vol. 25, No. 1/2, Looking Back, Moving Forward: 25 Years of Women's Studies History (Spring - Summer, 1997), pp. 278-285 Published by: The Feminist Press at the City University of New York Stable. URL: . Disponível em: . Acesso em: 10 jun. 2019.

LOTMAN, Iúri. La Semiosfera I: Semiosfera de la Cultura y del Texto. Trad. Desidério Navarro. Madrid: Cátedra S.A, 1996.

ZUMTHOR, Paul. A letra e a voz: a “literatura” medieval. Trad. Amálio Pinheiro e Jerusa Pires Ferreira. São Paulo: Companhia das Letras, 1993.

SLAM: Voz de Levante. Direção e roteiro: Tatiana Lohmann e Roberta Estrela D’Alva. Produção: Exótica Cinematográfica. Intérpretes: Roberta Estrela D’Alva, Luiza Romão, Chris Tsé, Mel Duarte, Emerson Alcalde, Daniel Minchoni, Luz Ribeiro e elenco. Trilha Sonora: Eugênio Lima e Roberta Estrela D’Alva. São Paulo. Distribuição: Pagu Pictures, 2017. DVD (94 min), son., color.

______. Introdução à poesia oral. Trad. Jerusa Pires Ferreira; Maria Lúcia Diniz Pochat; Maria Inês de Almeida. São Paulo: Hucitec, 1997.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2019 Roberta Estrela D'Alva